terça-feira, 6 de setembro de 2011

Procuro um amor

É claro que eu não desisti do amor, eu desisti é de perder tempo com aquilo que não me acrescenta.
Eu quero alguém que me ensine coisas que eu não sei, que ganhe minha admiração, que faça eu querer crescer todos os dias.
Eu quero alguém que discuta os livros que eu gosto de ler ou os filmes que iremos assistir, que ouça músicas comigo, que discorde de mim, que me desafie.

Eu procuro um HOMEM! Um homem que tenha sonhos que possam ser compartilhados com os meus, um homem que queira conhecer um mundo além daquele que vivemos, que conheça e aceite culturas diferentes, uma fé diferente. Não quero viver só neste mundo etnocêntrico, nem aceitando essa alienação robotizada em que vivemos! 
Quero alguém que tenha amor no coração. Que ame a verdade, que tenha muitos defeitos, mas que eu possa suportá-los.

Quero um homem que me ache linda, mesmo quando eu estiver descabelada, eu procuro um homem que me proteja, que mereça o meu amor. Quero um homem que tome chuva comigo e role na grama. Que queira acampar no meio do nada só pra olhar a lua e ouvir o som de uma cachoeira.
Procuro um homem que viaje comigo, que ria das nossas dificuldades, mas que esteja sempre ao meu lado pra remover os obstáculos. Quero um homem que goste de tomar café da manhã e segure minha mão quando eu estiver escorregando.

Eu procuro um amor, alguém com suas próprias vontades, que tenha um olhar de menino, mas que seja forte e lute pelas suas certezas.
Eu procuro alguém que entenda seus sentimentos, porque só assim somos capazes de vivê-los em plenitude.
Eu procuro um homem que enfrente a vida comigo com CORAGEM!
Cansei de amores pela metade, cansei de amor eterno com prazo de validade, cansei de ilusões toscas!
Quero ser feliz por completa!